quinta-feira, 22 de outubro de 2009

A cigarra...

Imagem encontrada no:http://br.olhares.com/

Andar, correr,lutar
Cansaço é desafio para bom viver
Transpiro notas em tons vermelhos,
Escala do entardecer.


Máscaras da rotina deste mundo passageiro
Nesta Avenida,pessoas disfarçadas
Olhares perdidos , mão por mão,
Proteção de andante em vespertinas caminhadas.


Por um instante absoluto, como projétil que atingiu o alvo
O coro das cigarras me convoca a louvar
Esqueço os passos da marcha física
Paro, fecho os olhos e aprecio esta forma de adorar.


Um clamor sob a forma de grito
Deveras, um cântico de vitória
Concessão de juventude a alma,
Alterando o curso da história .


Sinto-me regente por um segundo!
Tenores,baixos e barítonos encanto,
Gestos pulsantes improvisados marcam os compassos com sincronia e graça ,
Gratidão a Deus em contracanto.


Anoiteceu.....
A chuva caiu sobre a cidade.



KAF/VIC-Outubro/2009

2 comentários:

  1. KAF,

    A cada poesia e em cada verso faço uma linda e prazerosa viagem.
    Parabéns por tão lindas palavras, divinamente inspiradas.

    DEA BRASIL

    ResponderExcluir
  2. É bom parir poetisa ! !
    a gente se encanta , sempre , com versos ,
    palavras ,
    sentimentos ...
    um tantão de coisas belas .

    PARABENS !

    cada dia melhor .

    sempre mãe ,
    incondicionalmente
    MÃE .

    EU ,

    DISIA DISINHA

    ResponderExcluir

Obrigada por nos visitar.
Poetizar é preciso e embeleza a vida.
Abraços,KAF