domingo, 19 de outubro de 2008

Poesia Condensada






Nas entrelinhas da vida

proporcionar ao corpo e ao coração instantes de doçura

Angústia do pensamento

Merengue de ternura.




Condensar a poesia

por ora, pode limitar os sonhos em caixas.

Espalhar matizes sóbrias na cachola

anular o efeito célula máter das palavras

e até mesmo, impedir a formação do ser.




O verdadeiro poeta

traz a poesia engendrada no seu DNA.

Às vezes, a inspiração pode emergir por osmose

Noutras, o PH da inspiração se alia as substâncias químicas da metamorfose poética.




Paredes rompidas pela sensibilidade

Razão colocada à prova.

Pura tapeçaria pós-moderna

trançada no imaginário dos poetas.

Essência que se renova.




VIC,KAF/12/07




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por nos visitar.
Poetizar é preciso e embeleza a vida.
Abraços,KAF