quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Conquista Minha Vitória

Penso em tuas praças e ruas
Trilha da diversidade
Mistura de mata cipó e caatinga
Usos antigos e costumes da modernidade.

As redes neurais aceleram o percurso.
Bilhete gratuito adquirido no guichê Sertão da Ressaca
para apreciar a Imperial Vila da Vitória.
Parada neoclássica no Jardim das Borboletas e desembarque na Conquista Nova.

Ah, Cara Cidade! Procuro no teu clima, uma palavra destinada a compor esta rima.

Expressões cardíacas ao luar da infra-estrutura urbana.
Encontro no teu relevo humano suavemente ondulado,
a representação iluminada dos mosaicos da Serra do Periperi.


Vejo em ti uma Pólis de personalidade!
Com galhardia atemporal busca enfrentar os percalços desumanos do progresso
Ao bailar pelas críticas provincianas geradas em mentes pífias,
manifestas que teu valor reside na "Vitória " da simplicidade.
VIC, Kaf/Outubro-2008

domingo, 19 de outubro de 2008

Poesia Condensada






Nas entrelinhas da vida

proporcionar ao corpo e ao coração instantes de doçura

Angústia do pensamento

Merengue de ternura.




Condensar a poesia

por ora, pode limitar os sonhos em caixas.

Espalhar matizes sóbrias na cachola

anular o efeito célula máter das palavras

e até mesmo, impedir a formação do ser.




O verdadeiro poeta

traz a poesia engendrada no seu DNA.

Às vezes, a inspiração pode emergir por osmose

Noutras, o PH da inspiração se alia as substâncias químicas da metamorfose poética.




Paredes rompidas pela sensibilidade

Razão colocada à prova.

Pura tapeçaria pós-moderna

trançada no imaginário dos poetas.

Essência que se renova.




VIC,KAF/12/07




sábado, 18 de outubro de 2008

Trilha Urbana


Concreto e portas fechadas
Pedraria associada as vigas espessas
O mar em meio a vibração do asfalto
Eterno querer bem.

SSA,KAF/12/07

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Gentileza


Caros Leitores,
Abro uma exceção nas postagens poéticas, a fim de manifestar os meus agradecimentos a Querida Zane, pelo envio das flores tão belas.
Em pleno século XXI, existem pessoas gentis e possuidoras de um coração onde o afeto é a premissa maior.
Feliz por receber Flores.
Abraços,
KAF

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Lentes Machadianas



Os seus olhos não possuem mais a visão de outrora.
Ora vividos e inquietantes, ora românticos e realistas
Tornou-se Casmurro pela ação do tempo!
Retratos congelados em Memorial de Aires nos livros de literatura Brasileira.

Entretanto,a mão continua sendo o alicerce do sonho
expresso no contorno das letras.
E a luva, a força motriz que o alimenta.
Faz art-nouveau no cerébro da geração XXI
no intento de irradiar em redações criativas o efeito multicor das Crisálidas dos sentimentos .

O que importa é abdicar as Relíquias da Casa Velha
e contemplar a psiquê de Helena sem Protocolo.
Na certeza do apreço e cantilenas literárias distantes.
Sim, distantes de registros aleatórios que transformam escritos em Páginas Recolhidas.

Procurou transcrever a percepção multifacetada do viver
Cenários projetados em Contos fluminenses
Histórias divergentes da performance Americana
De Brás a Cubas, com estilo e elegância naturalmente Brasilis.




VIC,07 /10/08-Kaf