domingo, 21 de setembro de 2008

Caminhante






Nesta vida de incertezas,
sou caminhante.
Entre flores e espinhos
busco firmar minha trilha.
Me desfaço dos atalhos,
para vislumbrar o horizonte ao entardecer.
Amanhecer para abrir os armários fechados
pela rigidez da vida.
E atenuar as densas arestas da contemporaneidade.


Kaf

*Rascunho em guardanapo /SSA.









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por nos visitar.
Poetizar é preciso e embeleza a vida.
Abraços,KAF